ENTRENA
KENJUTSU
ONLINE

¡Descubrimos que era posible y productivo entrenar "KENJUTSU ONLINE"!
Aquí le mostramos cómo comenzar a enseñar Kenjutsu en el Instituto Niten de inmediato
Es hora de poner en movimiento nuevamente la energía del cuerpo, la mente y el espíritu


Mural Niten Ir para o Conteúdo
imgcentral

Mural

Murales de las unidades y pote de alumnos.


NITEN EN TV AZTECA

por NITEN - America Latina - 19-mar-2019

Instituto Niten Mexico no programa Al Extremo
veinculado pela Tv Azteca - US


Momentos de Oro - FORTALECIMIENTO

por Niten - America Latina - 18-mar-2019

Instituto Niten 2018

por Niten - Niten - 30-dic-2018




comentarios   2 de 2

Thomas - VitoriaShitsurei Shimasu,

PRA CIMAA.
(Continua)

Formentini - VitóriaShitsurei shimasu,

Estive presente no Torneio, e pude sentir pessoalmente a energia e a força das palavras do Sensei. Enquanto ouvia o discurso eu pensava. `Que responsabilidade estar aqui, mas também que alegria!`.

Sou um homem agraciado por poder (Continua)

25 ANOS INSTITUTO NITEN

por Niten - blog - 27-dic-2018





Video 20 mins Português / English

1º MUNDIAL KENJUTSU - RESULTADOS

por MundialKenjutsu - Niten - 01-dic-2018




Resultados do 1º MUNDIAL KENJUTSU realizado nos dias 20 e 21 Outubro de 2018 em São Paulo com participação de delegações de:
Portugal, Inglaterra, Estados Unidos, México, Colômbia, Chile, Argentina, Uruguai e Brasil.





(...)



Kenjutsu Categoria Máxima - Masculino
Alexandre Vaz (3º, RJ), Gilberto Vieira (1º, SP) e Ronaldo Costa (2º, RJ)



Kenjutsu Categoria Máxima - Feminino
Melissa (Fighting Spirit Feminino) recebendo premiação de 3º lugar em nome de Saieva (3º, ARG), Ana Lúcia (2º, SP) e Daiana recebendo premiaçao de 1º lugar em nome de Paula (1º, ARG)



Thomas Spanos (USA, Denver) recebendo prêmio Fighting Spirit Masculino






Continua (post completo)

Tags: Mundial,
comentarios   1 de 1

CRISTIANE BARBOSA GOMES - Campo GrandeOmedetou Gozaimassu!!! Somos todos vencedores, pois no NITEN somos um único Clan, uma única família. Muito bem representada por todos os participantes, todos os veteranos e todos os iniciantes, durante este mundial. Sinto profundo e verdadeiro orgulho por (Continua)

Mundial - El Árbol del Mundial

por Cavalheiro - RS/ - 25-oct-2018



Konbanwa Youroshiku Onegaishimasu Sensei, Shitsureishimasu,

Quedé debiendo a Sensei el significado detrás del árbol que le di de Orei.

El año pasado hice mi primer shugyo y llevé a Sensei 1000 tsurus como Orei. Me quedé pensando en el deseo de Paz a todos los de Niten, paz que conseguimos al entrenar, al avanzar en el camino y enfrentar los desafíos del día a día. Fueron 1000 tsurus para el deseo de realizar y multicoloridos porque somos nosotros, alumnos, de múltiples colores, múltiples orígenes y aún así únicos cada uno.

Luego pensé en la idea del árbol con follajes de tsurus, y aunque en un primer momento fuera algo artístico, mejor presentado, de un año para acá, fue teniendo cada vez mas sentido.

El árbol es una idea que fue plantada, una semilla que se fue desarrollando y que para salir de la tierra, ella empezó humildemente a crecer y claro, tuvo que enfrentar factores externos para desarrollarse fuerte y firme para mantenerse en el suelo hasta que se llene de vida a través de sus flores. Pero esas flores no vinieron del árbol, sino que se posaron en el árbol. Y a cada tsuru que posó en este árbol, más llena, voluminosa y con vida ella se quedó.

Los alumnos de Niten son los tsurus de la idea, las flores que hacen del árbol un árbol y con base en el discurso de Sensei, son las personas que hicieron el sueño realidad.

Sensei puede ver que los tsurus no son perfectos, no son iguales, algunos están aglomerados, otros alineados, y eso es porque no somos perfectos únicamente, pero juntos formamos algo tan bello que puede ser considerado perfecto.

Y los frutos: el fruto de ese árbol es cuando el tsuru vuela de ella y en ese momento la idea va con él, creciendo otros árboles en nuevos lugares.

Domo Arigatou Gozaimashita a Sensei y a la Sensei por ser guerreros de hacer realidad el sueño y servir de ejemplo a todos nosotros que componemos este sueño.

Shitsureishimasu,
Sayounara Arigatou Gozaimashita,
Cavalheiro - Unidad Puerto Alegre-RS




Tags: Mundial,

Mundial - Dias maravilhosos

por Toshi - SP/São Paulo SU - 25-oct-2018



Shitsurei Shimasu,

Konnichiwa Sensei,

Que dias maravilhosos!
Hoje parece que o Sol estava mais brilhante, que as pessoas eram mais bonitas, que a vida é muito melhor! A minha noção de tempo se alterou, foi tão intenso, que tenho a sensação de que a festa durou um mês. Os gritos da torcida ecoam na minha cabeça, a imagem da mesinha foi gravada no meu coração.
O ambiente que Senpai Wenzel criou foi perfeito para dar a atmosfera de comemoração, a egrégora se formou a partir das cores das bandeiras e eu vi brasileiros, argentinos, mexicanos, portugueses, chilenos e americanos conversando como se fossem velhos companheiros, verdadeiros Irmãos de Espada!

Arigatou Gozaimashita Sensei, por abrir esse caminho aonde muitos passam e muitos passarão! Tive a oportunidade de conversar com Mika Sensei e como ela me emociona e inspira!
Ter a oportunidade de ajudar na montagem e documentar me deu outra perspectiva da festa, tive contato com pessoas diferentes e reconectar os elos. Soube um pouco da história de cada um deles e vi o impacto do Sensei e do Niten na vida de todas elas, todas são muito gratas pela existência do Sensei e de seu trabalho. Sensei tem a força de mudar destinos!

A vitória do Senpai Gilberto me deu a alegria de saber que treinamos com os melhores Senpais do mundo! As meninas da Argentina me motivaram para treinar mais também! E foi a torcida mais animada!

Domo Arigatou Gozaimashita por me permitir ajudar e participar um pouco nessa festa inesquecível.

Vida longa ao Niten!

Arigatou Gozaimashita,

Shitsurei Shimasu,
Toshi - Unidade Sumaré-SP










Tags: Mundial,

Mundial - Cerimônia de Abertura

por Niten - blog - 22-oct-2018




Palavras do Mestre de Cerimônia Carlos Eduardo Cunha -
Jornalista / Aluno
0:34

Discurso do Dr. Massaki Shimada
Representante do Governador do Estado de São Paulo
1:44

Discurso do General Akira Obara
Primeiro general Nikkey do Exército Brasileiro e Chanceler da Tradição Samurai
6:23

Discurso do Dr. Delegado Maurício Lemos Freire
Diretor de Operações táticas da Polícia Cívil
9:54

Palavras de Solange Alencar
Coordenadora da APCD
12:10

Discurso do Sensei Jorge Kishikawa
14:05





Yoshimitsu Kishikawa e Gilberty da Costa Miglioli mostrando o Arcabuz utizado na demonstração




Dr. Maurício Lemos Freire - Diretor de Operações táticas da Polícia Cívil,

Dr. Edson Nakamura - Diretor Geral da Polícia Civil do Estado de São Paulo

Sr. Massaki Shimada - Representante do Governador do Estado de São Paulo





Tenente Coronel PM João de Paula Ferreira Neto - Representante do Comando da Polícia Militar do Estado de São Paulo





Sensei entregando medalha comemorativa aos 25 anos do Instituto Niten ao Delegado Dr. Maurício Lemos Freire




Sensei Jorge Kishikawa recebe homenagem da Polícia Militar do Estado de São Paulo e homenageia os representantes do Governo do Estado e da Polícia Militar do Estado de São Paulo com o título de Chanceler da Tradição Samurai




Sensei recebe Homenagem do Governador do Estado de São Paulo




Fala do Dr. Maurício Lemos Freire - Diretor de Operações táticas da Polícia Cívil,

Sentado ao seu lado Desembargador Samuel Meira Brasil Junior, Corregedor do Tribunal de Justiça do Espírito Santo/Aluno do Instituto Niten há 20 anos




General Akira Obara - Primeiro general nikkei do Exército Brasileiro










Eng° Civil Álvaro Bottini dos Santos - Vice-Presidente da ABJICA - Associação dos Bolsistas da Japan International Cooperation Agency

Sr. Osmar Ramos de Azevedo - Representante do Instituto Niten junto ao projeto Parque das Nações de São Paulo

Dr. Edson Nakamura - Diretor Geral da Polícia Civil do Estado de São Paulo

Sr. Massaki Shimada - Representante do Governador do Estado de São Paulo

Dr Luiz Augusto Prado Barreto, Advogado/Aluno do Niten São Paulo




Mestre de Cerimônia - Carlos Eduardo Cunha - Jornalista (Aluno do Niten Brasília)

Sentados à mesa: Sensei Yoshiaki Kishikawa e Sensei Michiko Kishikawa, pais do Sensei Jorge Kishikawa






Coronel Med. Ricardo Lopes - Chefe do Escalão de Saúde da 11ª região Militar (Coordenador do Niten Brasília) e

Tenente Coronel Alexandre Amorim - Centro de Instrução de Guerra na Selva, CIGS de Manaus (Aluno do Niten Manaus)



Tags: Mundial,

Mundial - Renovados e Unidos

por Takeshi - US/ - 22-oct-2018



Kombanwa Sensei, Shitsurei Shimasu!

Já estamos de volta a Miami e as atividades normais. O cansaço bateu mais forte ao chegarmos pela manhã mas definitivamente estamos de coração limpo e com o espírito renovado.

Rever antigos colegas, conhecer novos, receber tantos desejos de sucesso na nossa missão aqui nos Estados Unidos e principalmente a calorosa recepção aos nossos alunos tendo o cuidado de identifica-los para que todos que falassem inglês pudessem ajudar nas traduções fez nos sentir bastante acolhidos. Todos saímos renovados e com o sentimento de pertencimento que não será esquecido.

(...)










Continua (post completo)

Tags: Mundial, Familia,

Treino em Wimbledon 2

por Otavio - UK/London - 05-oct-2018

Senpai, O que posso dizer… quando penso no treino do sabado passado (29 de outubro de 2018) me passa um filme na cabeça.
Tudo começou a cerca de 2 anos, quando tive a oportunidade de ser transferido para a Europa. A principio Portugal. Foi um momento de muito felicidade, mas uma coisa sempre pairou sobre minha cabeça:
E o Niten? E os treinos?
A cidade que iria morar ficava a 3 horas de trem do dojo mais próximo, em Lisboa, seria possível ir algumas vezes no mês no dojo de Lisboa. Então fiquei mais tranquilo. Além disso Sensei já havia falado para abrir uma unidade no norte de Portugal. Só precisava conciliar as viagens a trabalho com a rotina de uma unidade.
Mas de novo a vida vem e muda tudo. Agora iria para Londres. Já tinha aproximadamente 10 meses de portugal e iria mudar tudo de novo. Novamente a mesma pergunta:
E o Niten? E os treinos?
Mas já tinha a resposta. Preciso abrir uma unidade em Londres. Mas como viajo muito a trabalho estava difícil conciliar. Então, de repente eis que vejo no site do Niten uma bandeira do Reino Unido.

(...)




(...)



Continua (post completo)

comentarios   2 de 2

Samuel - Unidade Sobradinho - DFSenpai Otávio, shistureshimasu. Muito bom ver que Brasília está bem representada até em UK! (Continua)

Jackson - BrasíliaKonban wa,
onegaishimassu, sempai Otavio,

Faço torcida para que possa vir treinar em Brasília novamente um dia e fico muito, muito feliz que vai ajudar no crescimento do Instituto Niten na Inglaterra.
Muita energia para a nova unidade!

Gambatê Wi (Continua)

Não Há Como Explicar o Inexplicável

por Café com o Sensei - 24-sep-2018


Queiroz veio de Rondônia, convidado pelo Projeto PIONEIROS NITEN para treinar em São Paulo com o Sensei Jorge Kishikawa 
 


É gratificante, depois de 25 anos de fundar o Niten, constatar que meus ensinamentos chegaram a uma das terras mais longínquas de São Paulo.
É possível que você, do mesmo modo que nosso colega, acredite que esteja vivendo, mas na realidade os dias apenas passam. Você só terá certeza quando conhecer o Niten.


 
 
 
"Não há como explicar o inexplicável.
 
2 dias de treino, e eu estou me sentindo como se agora estivesse vivendo de verdade.
 
Eu era muito agressivo, não pensava em minhas palavras, machuquei muitas pessoas por não pensar antes de falar, falta de disciplina, e principalmente...Honra. Não estava sendo leal às pessoas que me amam, não estava tendo sabedoria, e tudo isso, nessas 2 aulas que tive, eu vi o quanto isso é importante, e o quanto nós precisamos disso.
 
Toda vez que eu estava treinando e gritava alto, "Mennnn", "Doooo", toda vez que eu gritava alto parecia que saia uma energia negativa de meu ser, da minha mente, do meu coração. A forma de tratamento, a forma que os Samurais se tratam um com o outro é inexplicável, uma coisa muito forte. Desperta nossa atenção para as coisas simples, não com a mente, mas com o coração. O respeito, a delicadeza, a compaixão, existe um equilíbrio muito grande e com certeza existe algo espiritual nos Dojos, pairando sobre todos os Samurais.
 
Fiquei, ainda estou, perplexo, surpreso e tentando entender o que está acontecendo. Mas eu tenho certeza de que, quando eu voltar para meu estado [Rondônia], eu não voltarei mais a mesma pessoa, já não me sinto mais a mesma pessoa. 
Conhecer o Sensei pessoalmente, conhecer vocês que me ajudaram desde o princípio, que me acompanharam, conhecer os outros Samurais, está me fazendo muito, muito bem, e vou aproveitar bastante as aulas que tenho e vou voltar, voltar com certeza, ser leal aos meus Senpais, ao Sensei, ao Instituto Niten, ao código Samurai.
 
Então, muito obrigado por tudo!" 
 
Queiroz - Pioneiro de Rondônia, 2 dias após chegar em São Paulo
 
 
 
 
"Ohayou Gozaimasu Senpai.
É...o que dizer sobre uma experiência inexplicável.
 
Vim do estado de Rondônia, tudo para conhecer o Instituto Niten, tudo para conhecer o Caminho, e o que eu encontro, é algo que está além das espadas, é algo que está além das lutas, o que eu encontro é algo espiritual, o que eu encontro é uma filosofia de vida.
 
Hoje eu me pergunto, como, como uma cultura pode ser tão forte assim e influenciar um ser humano de uma forma tão poderosa? São coisas que são e sempre serão inexplicáveis.
 
Em toda minha vida eu achei que estava vivendo, mas hoje, vi que não estava vivendo, mas sim deixando os dias passarem. Agora depois que conheci o Niten, depois que conheci o Sensei, os Senpais, depois que eu conheci a arte, o Caminho do Samurai, agora estou vivendo cada minuto da minha vida, observando as pequenas coisas, as mais simples, as mais pequenas, é algo muito forte. O que há por trás da espada é algo tremendo, a disciplina, o respeito, a compaixão, esse é o caminho do Samurai, esse é o verdadeiro Caminho.
 
Agradeço ao Sensei, aos Senpais, que se esforçaram ao máximo para poder passar para mim, que sou um Pioneiro Niten, todos os ensinamentos, todas as técnicas e principalmente, um modo de vida diferente.
 
Hoje eu me sinto com coração leve, me sinto com minha mente tranquila; antes perturbada, hoje tranquila. Hoje, finalmente, estou vivendo a vida como ela deve ser, então agradeço a todos que me ajudaram e que me acompanharam.
 
Arigatou Gozaimashita"
 
Queiroz - Pioneiro de Rondônia, após retornar para casa depois de 2 semanas em São paulo

Tags: Egan2018_DEZ, Pioneiros,

Momentos de Oro - PRÁCTICA

por Niten - America Latina - 22-ago-2018

Tags: MomentosdeOro,

Nagasaki

por Café com o Sensei - 09-ago-2018

09 de agosto de 1945. Exatamente neste mesmo horário em que trasncrevo estas 
linhas, às 11:02, explodiu a bomba Fat Man sobre a cidade portuária 
de Nagasaki.
Alguns dias depois o Japão se rendia às forças aliadas e assim se encerrou uma das páginas mais longas de sofrimento na história do povo japonês.
 
Desde então, discussões sobre a culpa dos generais japoneses da guerra, discussões sobre o rearmamento, sobre lembrar ou não as vítimas da guerra, e até cantar ou não o Hino Nacional nas escolas, surgem de tempos em tempos.
 
Mas a verdade é que após 73 anos, somente quem teve sua casa cruelmente bombardeada, conhece a verdadeira dimensão da dor e da tragédia de uma guerra.
 
Os samurais já diziam que é preciso nos preparar para evitar a guerra...
 
Façamos um minuto de silêncio.
 
- Mokuto...
 
*Mokuto = reflexão silenciosa em memória às vitimas de uma catástrofe



"A destruição de múltiplas vidas 

Escrevo este texto agora de noite. Já fazem algumas horas desde o terror que ocorreu em 1945 no Japão em Hiroshima. Está sendo difícil escrever, minhas mãos estam tremulas diante de tanto horror que estou recordando do museu da Bomba Atômica em Hiroshima. Me lembro do vestido, da bicicleta, do policial, e até da menina que nasceu depois do incidente e morreu alguns anos depois de leucemia por causa da radiação. Todos eles, elas, plantas animais e sinais de vida que desapareceram, merecem ser lembrados, vou relembrar agora como uma meditação em prol a tudo isso.
 
Havia uma mulher que estava tendo seu dia cuidando de casa, provavelmente pensando: Quando essa guerra vai acabar? Onde está o meu amado marido? Na Manchúria, na China, ninguém sabe… 
Eis que uma luz rasga o céu. O sol foi coberto pela luz. E essa luz queimou toda a pele da jovem. Como seria possível? Deus me castigou por pensar no meu marido? E aí um vento quente e forte se espalha destruindo janelas e paredes enormes como se fosse o portal do inferno se abrindo, cacos de vidro caíram e se fincaram nela como chicotes ou chuvas de fogo. Ou é coisa do demo que apareceu para nos arruinar? 
Hoje a única coisa que restou dela foi o seu vestido que estava usando no trágico dia. Havia manchas de sangue na lateral e nas costas.
Ela morreu alguns dias depois da bomba cair.
“Foi Deus ou o Diabo quem me levou? Foi a luz do divino, ou o vento diabólico que me derrubou?”
 
Não muito longe havia um menino que ganhou um presente de seu pai. Era uma bicicleta, era um presente para expressar amor do pai pelo pequeno menino de três anos. O pai estava dentro de casa, o menino amando o presente de coração de seu pai. Mesmo com a Guerra ainda existe uma relação pai e filho, que bom…Talvez assim pensava o pai. 
Um avião sobrevoa e alguns segundos depois uma forte luz se fez. O que é isso?! 
Logo em seguida o vento quente e devastador arremessa o menino e o mata. 
O pai sobreviveu mas o menino morreu a única coisa que restou naquele dia foi a bicicleta, o pai pegou a bicicleta e a guardou como todo pai guarda os brinquedos de seus bebês antes de levá-los à cama, mas dessa vez não havia mais o amor entre os dois, só um amor que foi brutalmente separado por uma luz e um vento, assim como uma folha de outono é arrancada da árvore e levada para longe.
 
Em serviço, atento, sob pressão e é claro, vivendo uma guerra numa cidade que muito conhecia, um policial vigilante e pronto para qualquer coisa. Ouviu discursos sobre o poder de sua nação regida por um imperador que era um Deus que os regia com toda sabedoria divina e que por isso não haveria chances de descansar pois estavam servindo a Deus.
Como se fosse uma missão surpresa a bomba caiu.
Uma luz!
Um vento….
Destruição…
Seria seu imperador um Deus quem fez isso a ele?
E sua mulher que fim teve?
Ele saberia mais tarde que ela morreu.
Sem entender direito viu pessoas procurando familiares e vizinhos, reuniu alguns para ajudá-lo na contagem de mortos, desaparecidos e vivos. Seria isso o mais certo a fazer? Depois de tanto sofrer sem saber o destino da esposa e todo ferido, mas olhou ao redor e viu que muitos passavam pelo mesmo ou pior, então resolveu ajudá-los.
Em sua tarefa tinha que anotar nomes dos desaparecidos e mortos, anotar o nome de seus amigos que nunca mais veria, anotar os nomes dos vizinhos que morreram.
 
Depois de toda confusão, brotos de esperança nascem, uma menina nasceu depois da tragédia, trazendo a esperança de um futuro próspero. 
Toda a sua infância foi maravilhosa, era bonita querida, de boa família era uma flor!
Eis que uma leucemia a enfermou, a causa da leucemia, radiação. Toda aquela alegria que a pequena trouxe se transformava na memória do passado tenebroso de alguns anos. A morte era certa. E aconteceu quando tinha nove anos de idade apenas.
O que é mais terrível? 
Uma coisa imediata que de repente te leva tudo?
Ou uma esperança que se transformou em tragédia causando um sofrimento lento?
 
Agora é noite, fazem setenta e três anos do acontecimento, me imagino numa noite daquela data.
As estrelas estão escuras, as árvores assombradas, onde havia objetos que desapareceram só restaram a sombra deles.
 
Vejo cada figura, uma mulher ferida, um pai enterrando seu filho, um agente persistente quase morto pensando no próximo e uma criança que tentou trazer esperança mas não conseguiu.
 
O que espero, é que todos reconheçam que o que a setenta e três anos atrás ocorreu ainda pode ocorrer hoje.

Não há maior sofrimento."

Yoshimitsu 




Yoshimitsu - Treinando em Dojo no Japão
 

1 Minuto de Mokuto

por Café com Sensei - 06-ago-2018

Hoje, 06 de Agosto, dia de lembrar a bomba de Hiroshima.
Peço a vocês, 1 minuto de Mokuto, 1 minuto de silêncio e reflexão sobre o assunto.
Arigatou

*Mokuto - Silêncio





O menino evaporou enquanto brincava no triciclo












 

In Japan with Sensei 1

por Wenzel - Nihon - 28-jul-2018

THE CLOUDS ARE THE SAME

Minasan, after 13 years I came back to Japan following Sensei in this trip to the Samurai`s land!

We`ve left from Sao Paulo on Monday straight up to the other side of the world!

All of these years, since the first time that Sensei took me to Japan in 2002. I`ve always said that this trip is a "Chinese deal"* (oops), because we`ve paid an expensive air ticket, and then, everything in Japan is expensive, but actually it`s a bargain if considering a journey to the other side of the world!
*"Chinese deal," an expression meaning a good deal.

What should Wenzel (Uenzel*) think about Japan after 13 years? Sensei was curious, would I believe that Japan changed a lot?
I`ve agreed writing a little about this, and I share with all of you some thoughts. I apologize in advance for the size of it.
* "Uenzel" - Sensei kindly pronounces Senpai Wenzel`s name in this way.

The trip is extensive, there`s no other way. Our scale is in London.
(...)



(...)




The clouds are the same



Continua (post completo)

Tags: Viagemjapao,

En Japón con Sensei 1

por Wenzel - Nihon - 28-jul-2018

LAS NUBES SON LAS MISMAS

Minasan, ¡13 años después vuelvo a Japón acompañando a Sensei viajando a la tierra de los Samurais!

¡El lunes partimos de San Pablo hacia el otro lado del mundo!

En todos estos años, desde la primera vez que Sensei me llevó con el a Japón en 2002, siempre he dicho que ese viaje es un asunto chino (! Ops), pues pagamos un pasaje caro, después de todo, en Japón todo es caro, pero en el fondo es una ganga para ser un viaje a otro planeta!

¿Qué será lo que Wenzel (Uenzel) pensará de Japón 13 años después? Sensei estaba curioso: ¿creería que Japón cambió mucho? Decidí que voy a escribir un poco al respecto, y comparto con ustedes algunos pensamientos, gomen desde ya por el tamaño.

El viaje es largo, no hay manera. Nuestra escala es en Londres.
(...)



(...)



Ahora el día ya aclaró aquí, hora de poner el Kimono y Hakama! as nubes son las mismas




Continua (post completo)

Tags: Viagemjapao,

No Japão com o Sensei 1

por Wenzel - Nihon - 28-jul-2018



AS NUVENS SÃO AS MESMAS

Segunda feira partimos de São Paulo rumo ao outro lado do mundo!

Nesses anos todos, desde a primeira vez que o Sensei me levou consigo ao Japão em 2002, tenho sempre dito que essa viagem é um negócio da China (! Ops), pois pagamos uma passagem cara, depois, no Japão tudo é caro, mas no fundo é uma pechincha para uma viagem a outro planeta!

O que será que o Wenzel (Uenzel) vai achar do Japão 13 anos depois? Sensei estava curioso: eu acharia que o Japão mudou muito?
Combinei que vou escrever um pouco a respeito, e divido com vocês alguns pensamentos, gomen desde já pelo tamanho.

A viagem é longa, não tem jeito. Nossa escala é em Londres.
(...)



(...)



As nuvens são as mesmas




Continua (post completo)

Tags: Viagemjapao, Egan2019_Ago,
comentarios   2 de 2

Plínio Marcos - Rio de JaneiroQue presente!
Imagens vivas, experiências compartilhadas!
Um ótimo exemplar do ` Pensar no Outro ` .
Arigatou Gosamaishitá!
(Continua)

Amós Batista - São PauloOhayo gozaimashita, senpai.

Adorei o relato. Arigato gozaimashita por compartilhar tanta coisa para a gente.

Saionara. (Continua)

En Japón con Sensei 2

por Wenzel - Nihon - 28-jul-2018

EN JAPÓN CON SENSEI 2 - Senpai Wenzel

SENSEI PUNTUALMENTE ADELANTADO

Puntualmente adelantado Sensei golpea una sola vez en la puerta de la habitación. Es señal de que estamos de partida. El momento es de tomar la mochila ya ordenada, saltar en los zapatos preparados frente a la puerta, debidamente apuntados hacia fuera, y alcanzar el Sensei en el pasillo hacia el ascensor.

Con el horario "confuso" todavía, yo había dormido un poco al principio de la noche y luego pasé la madrugada en vela, respondiendo correos electrónicos y escribiendo el primer texto del viaje. A las 5:20 Sensei llamó a la habitación, anunciando que el día reservaba cuatro misiones a resolver, rápidamente enumeró cada una y confirmó que saldríamos a las 6:00.

Fue la hora de terminar de escribir, incluir algunas imágenes y de vestir eñ kimono y la hakama.

Precisamente a las 5:52 siete minutos adelantado, Sensei golpea la puerta. Si golpeara a las 5:53, serían seis minutos más algunos segundos. Para no retrasarse ni estos segundos, los 7 minutos adelantados de Sensei, son tan precisos que tiene unos segundos de sobra. Es lo que llamamos en Niten el Horario de Sensei. "Tenemos en Niten siempre la hora de Brasilia (GMT -3), generalmente marcado en los celulares y tenemos el" horario de Sensei ",los precisos 7 minutos adelantados, que es el horario vigente en el reloj de Sensei. Y eso es lo que vale cuando estamos con Sensei. Especialmente en Gashukus y Shugyos. Sí, a veces es un poco confuso, yo también lo he encontrado bastante confuso. ¿Por qué no mantener un horario sólo y marcar un poco antes ?! Pero justo por esa confusión, acabamos volcando más energía en la percepción del tiempo, tenemos que hacer siempre una pequeña aritmética y nos quedamos más conscientes del tiempo en que estamos actuando. Funciona.

(...)



(...)


Continua (post completo)

Tags: Viagemjapao,

En Japón con Sensei 3

por Wenzel - Nihon - 28-jul-2018

EN JAPÓN CON SENSEI 3 - Senpai Wenzel

GOOD MORNING VIETNAM!

( o el "tercer y último email de la trilogía de el viaje a Japón con Sensei ”)


“Yesss!...”, “...Yesss!”. Japonés hablando “si” en inglés, es diferente. Es como si fuese un “Hai!”. Sale allá del HARA (entrañas, de la zona por debajo del ombligo, fuente energética del cuerpo, origen del KIAI! ), igual al “hai”, es corto, firme, acabando con Zanshin. Me quedo oyendo y disfrutando de la disposición del joven empleado del mostrador del hotel, con su traje demasiado grande, atender al extranjero: “Yesss!”, “Yesss!”, mientras que Sensei hace nuestro checkin, en nihongo (Idioma japonés), con la confusa recepcionista novata. Todo pasa muy rápido y solícito el desayuno como siempre, pero vinieron cuatro tickets.

El desayuno en Japón es una fiesta, tiene arroz, pescado, misoshiro, conservas, ensalada, nató, huevos y baicon (de brindis a causa de los extranjeros), algas, tofu, dependiendo viene de los frutos de mar, un éxito.



(...)

(...)

Japón/San Pablo, mayo-2018






Continua (post completo)

Tags: Viagemjapao,

Shugyo - Impieri

por Niten - blog - 08-jun-2018

Impieri - Rio de Janeiro
"Yoroshiku Onegaishimasú!

Quanto ao Shugyo, o objetivo principal
que era vencer desafios e, principalmente,
fortalecer o meu Espírito,
sem dúvida foi alcançado.
Saí fortalecido!!!

Domo arigatou pela oportunidade de conviver
com o Sensei, com Senpais e com alunos de
várias Unidades.
Aprendi muito!

Sayounara"
Impieri - Rio de Janeiro








Impieri após Treino no Dojo Itaim




Impieri à esquerda no 16º Toneio de Kobudô

Tags: Shugyo,


Ultimas postagens:


topo

Instituto Niten Internacional
+55 11 94294-8956
contacto@niten.org