ENTRENA
KENJUTSU
ONLINE

¡Descubrimos que era posible y productivo entrenar "KENJUTSU ONLINE"!
Aquí le mostramos cómo comenzar a enseñar Kenjutsu en el Instituto Niten de inmediato
Es hora de poner en movimiento nuevamente la energía del cuerpo, la mente y el espíritu


Mural Niten Ir para o Conteúdo
imgcentral

Mural

Murales de las unidades y pote de alumnos.


Postagens de 2011    Retornar para todas las postagens

Fazer o que tem de ser feito

por Andre Martins - blog - 18-dic-2011

Por mais que permaneçamos, por força do destino, distantes de pessoas que marcaram nossas vidas de alguma forma, sempre há um pouco de cada um em nossos corações e pensamentos.
Tamanho é esse contato, que as vezes pode moldar o que nos somos hoje.
Não me esqueço de uma frase dita por dois amigos que sempre carreguei em meus pensamentos e fazem parte do que sou hoje.... Era 2006 estava em um dojo na Rua São Clemente no Bairro de Botafogo, quando em uma palestra escutei um desses amigos dizer a seguinte frase:
"(...) independente do medo e da insegurança que se tenha, em alguns momentos só nos resta uma solução, fazer o que tem de ser feito (...)".
Não imagina o impacto que tal frase teve em minha vida.
Por isso, meus amigos ainda digo que carrego o Niten em minha mente e coração, pois continuo, apesar de todos os obstáculos, FAZENDO O QUE TEM DE SER FEITO.
Abraços aos amigos Sensei Jorge Kishikawa e Wenzel Bohm

Tags: Bushido, Relatos,

Corações Sujos - Trailer

por Brenda-Adm - blog - 10-nov-2011

O Filme Corações Sujos, de Vicente Amorim, surpreende o público com o rigor técnico que lembra o cinema americano, é um filme quase todo falado em japonês. Adaptação do livro de Fernando Morais, conta o caminho dos imigrantes japoneses que vieram ao Brasil fugindo da Segunda Guerra. Aqui eram vistos com desconfiança, já que lutavam contra os EUA, aliados do Brasil. O longa conta essa história com a estética dos filmes de Sergio Leone e Bertolucci. E consegue um excelente resultado tanto na narrativa, quanto na forma, tudo pontuado por uma bela trilha sonora do maestro japonês Akihiko Matsumoto.

Novo longa-metragem de Vicente Amorin baseado no livro de Fernando Morais, estréia comercialmente em 2012 e teve pré-estreia no Festival do Rio. Foi também o filme de abertura do Festival Paulinia 2011, Veja o Teaser:

Tags: Cinema,

Niten em Web-Série!

por Fugita - Niten - 07-nov-2011

Konichiwa, Mina-san!

Novidade! A nova web-série "Lado Nix", que estreou dia 26/Out no youtube tem a participação do Niten em alguns episódios!

Confiram em: www.youtube.com/ladonix










 

Tags: ArteCultura, Pop,

A Liga - Thaide faz Shugyo no Niten

por - Niten - 04-nov-2011

"Neste ano, vi muitas pessoas passarem por esta casa para fazer um shugyo. Como este ano também estou de shugyo, acho que entendo o que as pessoas sentem nos vários estágios de cansaço, alegria, tristeza, satisfação... Ver e fazer um shugyo com o Thaíde foi excepcional. Nunca vi, em dois dias, alguém fazer o que ele fez. Uma pessoa sem experiência nenhuma com espada, em dois dias despertou o espírito guerreiro. Como uma revolução, Thaíde chegou com algumas expectativas, que logo de início foram quebradas. Ninguém pensava que ele chegaria onde chegou, mas conforme passavam-se as 36 horas de shugyo, ele foi “despertando”. Viamos em seu semblante o cansaço, mas também uma expressão de satisfação por ter encontrado um caminho que lhe faria bem para o espírito.

Foi uma lição de perseverança. Ele não desistiu. Foi receptivo aos ensinamentos de todos e abraçou a cultura samurai. Fico feliz em ter conhecido uma pessoa determinada e disposta como o Thaíde."

Fugita - unidade Ana rosa Hokkaido


Parte 1





Parte 2




Extras


Mais relatos dos companheiros de Shugyo do Thaide nos comentários

comentarios   5 de 5

Zilda Araujo - Rio de JaneiroGrande Amigo Wenzel - Senpai
Meu nome é Zilda, fui funcionário da Academia
de Dança Jaime Aroxa-Botafogo onde conheci
seu belissímo trabalho e dedicação.
Assisti ao programa A LIGA, e fiquei muito
emocionada ao vê-lo, seu desempenho como instrutor,
(Continua)

Vaz - Rio de JaneiroShitsurei shimasu!
Konnichiwa Sensei!

É sobre minhas considerações do shugyo com o Thaíde. Na quarta de noite, quando comemos a pizza, fizemos o fechamento, mas acabei não falando tudo.

Logo no início, na terça feira, eu estava pagando pra ver... P (Continua)

Meloni - São PauloKombawá Sensei,
shitsurrei shimassu,
segue o meu relato sobre os dois dias de Shugyo.

Antes de iniciar o treinamento intensivo, lembro que o Sensei me disse para entrar de corpo e mente, para entrar firme no Shugyo, que então tudo ficaria bem. Foram (Continua)

Costa - Rio de JaneiroShitsurei shimasu
Konnichiwa yoroshiku onegaishimasu

Esses dias de shugyo são sempre muito intensos, foi muito bom ver todos os shugyochas com muita energia aguentando o treinamento em especial o Thaide que é marinheiro de primeira viagem e que nem é (Continua)

Fugimura - FlorianopolisDois Dias de Shugyo.
Tive uma honra de fazer um Shugyo para gravação do programa A Liga. O apresentador era o Thaide, que veio pedir para fazer dois dias de Shugyo.
Ao se apresentar na ADM, tive a impressão que ele ia desistir no meio, após soltar um `h (Continua)

A Liga - Shugyo do Thaíde

por Niten - blog - 01-nov-2011

Shugyo de Thaide
A LIGA entra no mundo de quatro comunidades diferentes: Thaíde vive dois dias como um um samurai do Instituto Niten

Parte 1



Parte2



Extras



Por dois dias em agosto abrimos uma exceção e aceitamos o apresentador Thaíde na Sede Administrativa em São Paulo para um Shugyo: treinamento espiritual intensivo.

Normalmente somente alunos graduados com o 6° ou normalmente 5° kyu e acima (segunda ou normalmente a terceira faixa e acima) são aceitos neste tipo de treinamento. A maioria dos alunos já treina com afinco há pelo menos dois anos antes de solicitar poder fazer um Shugyo, ou mesmo ser aceito para um.Muitos nunca chegam a fazer e um tampouco é algo obrigatório para os alunos.
Mas para quem faz este tipo de treinamento, é sempre inesquecível e um marco no Caminho.
O Shugyo de cada aluno que passa pela sede administrativa do Niten em São Paulo é também sempre um pouco diferente um do outro, mas para todos são dias, treinamentos e desafios duros, muito duros e difíceis de serem vencidos.Não foi diferente para o apresentador e rapper Thaíde.
Apesar de terem sido apenas dois dias, foram intensos em cada hora do dia e da noite, e Thaíde, que nunca tinha tido nenhuma aula de espada sequer avançou neles como muitos o fazem apenas após muitos meses de treinamento.
Atividades, treinos, combates, tudo foi real, assim como o empenho do próprio Thaíde, que entrou com tudo nesta experiência.

Tags: Shugyo,

O Entregador de Cartas vermelhas - Relato

por Lea Kuwayama - blog - 28-sep-2011

Assisti ao filme no último dia 11/09. Surpreendi-me. Primeiro imaginei que fosse um filme de guerra e não um documentário sobre ela, pois minha mãe me falava que, durante o tempo de namoro, ela e o meu pai assistiam a muitos filmes de guerra. Segundo, o contexto de batalhas em que o Japão já se encontrava antes da 2ª Guerra Mundial – a guerra com a China -  faz muita diferença na hora de analisar o histórico do País.
 
Hoje entendo o porquê de algumas características do povo japonês: paciência, disciplina, persistência, resignação, coragem... Trace um comparativo. Faz 10 anos que as Torres Gêmeas nos Estados Unidos foram atacadas. Todos nós acompanhamos a tragédia que foi e como os EUA ainda tentam se recuperar do atentado. Isso aconteceu em um único dia. Imaginem, então, o que é estar em guerra por quase 10 anos contínuos. Tentem mensurar o tamanho da destruição e lembrem-se de que as perdas não são apenas materiais, mas principalmente morais e psicológicas.
 
Outro ponto que eu gostaria de comentar é sobre quem viveu durante esse período. Levei meu tio, que tem 81 anos e é japonês, para assistir ao filme. Durante a 2ª Guerra Mundial ele estava com aproximadamente 10 – 12 anos. Percebi que ele estava bastante concentrado. Acredito que muitas lembranças vieram à tona. Já em casa, conversamos a respeito do filme. Ele me relatou que gostou muito. Disse que desconhecia as cartas de convocação, mas fazia os treinamentos mencionados no filme com espada de madeira. Foram tempos difíceis aqueles. Quando ele veio morar no Brasil, em 1955, 10 anos após a guerra, o Japão ainda não havia se recuperado.
 
Àqueles que não puderam assistir ao audiovisual, não percam a próxima oportunidade. Vocês entenderão melhor as minhas palavras e poderão fazer suas próprias reflexões. Ao Sensei, domo arigato gozaimashitá pelo esforço e empenho em conseguir o filme e por compartilhá-lo conosco.




Samurai Warriors

por Niten - blog - 21-sep-2011

Tags: MangaAnime,
comentarios   1 de 1

Igor - BrasíliaShow! Combinou com os Cafés sobre o tempo dos Samurais. Arigatou gozaimashita (Continua)

Lendário Biru

por Kenzo - RJ/Rio de Janeiro - 14-sep-2011

"No Japão, todo trabalho sério vira tradição, e tudo acaba virando lenda. Até o "Birudô"!"

comentarios   1 de 1

Furtado - TaguaatingaMuito bom o comercial. Resta saber se é boa.
Arigato gozaimashita. (Continua)

Keep Calm and Carry On

por Krysamon - RJ/Rio de Janeiro - 14-sep-2011

kieep-calm-and-carry-on2.jpg
 
Como designer gráfico, acompanho as tendências visuais, cores e grafismos para poder usar em alguns trabalhos. Um desta tendências é a releitura gráfica do uso do "Keep Calm and Carry On" (Fique calmo e vá em frente, em uma livre tradução.) que foi um pôster motivacional produzido pelo governo britânico em 1939, início da II Guerra Mundial, para ser usado somente se o nazismo conseguisse invadir a Grã-Bretanha. O cartaz foi distribuído apenas em número limitado, e em 2000 uma cópia deste pôster foi redescoberta na Barter Books, um sebo na cidade de Alnwick, na Inglaterra. A criação agora está agora em domínio público, e pode ser visto desde na decoração de espaços, como também o uso de variações da mensagem motivacional original do poster, como por exemplo, "Keep Calm and Call Batman" ou "Keep Calm and Dance On" etc...
 
Eis a minha releitura como praticantes de kentjutsu...
 
Keep-calm-and-use-kaeshi-tsuki.jpg keep-calm-and-use-nito.jpg

comentarios   5 de 5

Breno - NiteróiOmedetou Krysamon, ficaram ótimos! (Continua)

Cristian - Buenos AiresOmedeto !
Muy Buenos los carteles !!! A tener en cuenta el consejo, la calma siempre en el combate.- (Continua)

Aguiar - BrasíliaSempai Otávio acho que em nihongo poderia ser:

(Continua)

Ivan - BHOmedeto Gozaimassu!! Muito bons os cartazes! (Continua)

Otavio - BrasiliaKonnichiwa!! Gostei muito dos cartazes! Poderia fazelos em nihongo?

Acho que os dizeres seria,:
(Continua)

PRIMEIRA AULA EM NATAL

por Silva - RN/Natal - 30-ago-2011

Nessa última Quinta 25/Agosto,  tivemos  nosso primeiro treino em Natal, de muitos que virão !
Agradeço  a todos que compareceram ao Dojo.
Arigatou gozaimashita!

Edmilson Silva

 

comentarios   2 de 2

Rodolfo - RecifeGambate Natal! Com muita energia vamos cuidar dessa nova semente! (Continua)

Furtado - TaguatingaGambate Natal!
É uma ótima cidade e desejo tudo de bom para esse novo dojo.
Arigato gozaimashita. (Continua)

Crueldade ao extremo

por Café com o Sensei - 09-ago-2011

Hoje, peço a você 1 minuto de silêncio em memória as vítimas da bomba de Nagasaki:

" Na manhã de 9 de Agosto de 1945, a tripulação do avião dos E.U.A. B-29 Superfortress, batizado de Bockscar, pilotado pelo Major Charles W. Sweeney e carregando a bomba nuclear de nome de código Fat Man, deparou-se com o seu alvo principal, Kokura, obscurecido por nuvens. Após três voos sobre a cidade e com baixo nível de combustível devido a problemas na sua transferência, o bombardeiro dirigiu-se para o alvo secundário, Nagasaki - a maior comunidade cristã do Japão. Cerca das 07:50 (fuso horário japonês) soou um alerta de raide aéreo em Nagasaki, mas o sinal de "tudo limpo" (all clear, em inglês) foi dado às 08:30. Quando apenas dois B-29 foram avistados às 10:53, os japoneses aparentemente assumiram que os aviões se encontravam em missão de reconhecimento, e nenhum outro alarme foi dado.

Às 11:02, uma aberta de última hora nas nuvens sobre Nagasaki permitiu ao artilheiro do Bockscar, Capitão Kermit Beahan, ter contato visual com o alvo. A arma Fat Man, contendo um núcleo de aproximadamente 6,4 kg de plutónio-239, foi largada sobre o vale industrial da cidade. Explodiu 469 metros sobre o solo, a cerca de meio caminho entre a Mitsubishi Steel and Arms Works (a sul) e a Mitsubishi-Urakami Ordnance Works (a norte), os dois principais alvos na cidade. De acordo com a maior parte das estimativas, cerca de 40.000 dos 240.000 habitantes de Nagasaki foram mortos instantaneamente, e entre 25.000 a 60.000 ficaram feridos. No entanto, crê-se que o número total de habitantes mortos poderá ter atingido os 80.000, incluindo aqueles que morreram, nos meses posteriores, devido a envenenamento
radiativo.
" - Wikipedia


"um cemitério sem uma lápide em pé"

Há 03 dias, Hiroshima já havia sido destruída e nada menos que 80 mil vidas foram dissipadas em uma fração de segundo.
Qualquer nação, depois desta catástrofe, optaria por sua rendição
Nagasaki é prova da crueldade ao extremo.

Vamos fazer também?

por Thais - blog - 27-jul-2011

Temos que ir treinando logo nos narabes e nas formações durante os treinos para irmos tão bem quanto eles no Torneio de Guarulhos em 29 de outubro!

Esses rapazes são estudantes da Universidade de Ciência Esportiva do Japão, e o que eles fazem nesse vídeo é uma antiga tradição dessa Universidade, em que todos os anos os alunos que se formam fazem uma apresentação em grupo. O público se diverte e fica impressionado com  toda a rigidez dos movimentos. Esses garotos bricalhões, que vão usualmente à clubes e jogam video game, seguem as instruções do comandante perfeitamente.


Tags: ArteCultura, Japao,

Cultura Pop Japonesa

por Thais - blog - 27-jul-2011

Mina San
Segue um vídeo sobre a Cultura Pop Japonesa.

Feito por um programa chamado Culture Japan, que tem como objetivo mostrar para o mundo como os japoneses se comportam no seu dia-a-dia. O vídeo tem várias curiosidades, mostradas de forma bem descontraída!

Mesmo esse sendo um vídeo focado na Cultura Pop, observamos nele pequenos gestos que nos fazem lembrar os Katas do Bushido.

Atenção, o vídeo tem uma hora de duração!

Divirtam-se!


Tags: ArteCultura, Japao, Pop,

Matéria Niten Campinas - TV Século 21

por Danilo - SP/Campinas - 29-jun-2011

Tags: Imprensa, Televisao, Reportagens,

NITEN-WORKSHOP EM NATAL

por Silva - RN/Natal - 03-jun-2011

Olá amigos do Niten em Natal!
 

No dia  8/Junho, QUARTA,  faremos um Workshop de KENJUTSU em  Natal.
A previsão é de que estarei acompanhado de aluno graduado de Recife, de forma
que também haverá demonstração de técnicas e de combate.
O Workshop será feito na IFRN, que fica  em frente ao shopping Midway nesse endereço:


IFRN ( Instituto 
Federal de Educação,Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte)
Av- Senador Salgado Filho , 1559 , Bairro -Tirol (em frente shopping Midway)
Local do  Workshop: Na  III-QUADRA da IFRN

DATA/HORÁRIO:
QUARTA,  8 de JUNHO
18h30 até  21h30

PROGRAMAÇÃO:
Conceitos básicos do treinamento com espadas
Posturas básicas
Golpes básicos
Introdução ao Iaijutsu
Introdução aos Katás do Niten Ichi Ryu de Miyamoto Musashi
Introdução ao Niten Ichi Ryu Dai Ichi Kihon (sequencia de treinamento)
Introdução ao uso de BOGU (armadura)

MATERIAIS:
Os materiais básicos para o treinamento serão
emprestados.

VESTIMENTA:
Camiseta (clara e lisa se possível) e calça leve (pode ser calça de Judo/TaekwonDo, Karate, ou outra leve e solta)

VALOR:
R$50,00
            
Para  mais informações sobre o workshop  podem  me enviar um email, ou se preferirem  podem me ligar nesses números:

(81) 8181-8190 Vivo,  ou  (81) 9767- 5321 Tim


Arigatou gozaimashita!

E até o dia do workshop!

Edmilson Silva
Coordenador Instituto Niten Recife

Libertas quae será tamen

por Bolivar - MG/Belo Horizonte - 31-may-2011

As lembranças do torneio brasileiro realizado em nossas montanhas ainda estão vivas e nitidas e como toda guerra exigiu coragem, disciplina, estrátegia e espirito de combate.
 
Comparo o torneio há uma batalha, em toda a sua concepção de um evento de guerra, um confronto máximo que exigiu de todos os envolvidos o melhor de suas habilidades e crenças.
 
Na Estrátegia o relevo e a topografia do local da batalha são fundamentais e muitas vezes decisivos, e por isso poderiamos ter ficado acomodados, já que estavamos no alto de nossas montanhas, em uma posição facilmente defensivel. Mas não, queriamos superar nossas montanhas e levantar as bandeiras mostrando a nossa vontade de guerrear.
 
As pessoas que vivem dentro desse mar de montanhas fazem parte de um povo guerreiro e a bandeira representa a vontade de lutar, com semelhanças com a bandeira japonesa e o espirito samurai.
 
Na bandeira podemos ler um escrito em latim “Libertas quae será tamen”, que podemos entender como “Liberdade ainda que tardia”. Com esse espírito pessoas notórias na história brasileira cunharam o sentimento de liberdade, fraternidade e igualdade entre seus semelhantes. O branco significava o desejo pela paz futura e o vermelho pelo sangue e esforço que seriam necessários para alcançar seus objetivos.
 
Desde do primeiro momento quando fomos agraciados com a oportunidade de abrir as nossas portas e receber os companheiro do Caminho, todos se inflamaram em um espirito unico de batalha, e foi assim o planejamento do que viria a ser o 10º TBIK foi iniciado.
 
A boa batalha é travada e vencida com planejamento, a escolha das melhores estratégias, uma cadeia de comando e comunicação alinhadas, soldados motivados, conhecimento das forças e fraquezas, e o principal, acreditar na vitória.
 
O exercito estava ávido pela batalha e todos contribuiram com o melhor que poderiam oferecer em suas habilidades, um unico corpo de combate formado pelo melhor que poderiamos oferecer. Com as unidades divididas e os comandos repassados iniciamos as ações e missões, e como foi bom observar o contagiante e pulsante desejo de ajudar.
 
Eis que a batalha chega.
Os reforços chegam de todos os lugares do Brasil, para ajudar há travar essa batalha. Companheiros distantes, mas proximos do Caminho e da Verdade.
Momentos de desafio, superação, alegria, apreensão, medo, luta, garra, coragem, e vários outros sentimentos dentro desse furacão. Como um exercito, todos os participantes da batalha cumpriram seus papeis e fizeram o melhor para alcançar a Vitória.
 
O prémio dessa batalha é a comprovação de que devemos acreditar e que o Caminho é tortuoso e longo, mas que vale ser percorrido.
 
Fizemos a nossa escolha de lutar e confiar em nossos companheiros de todo o Brasil, de continuar e acreditar nos valores que estamos apredendo atraves do Instituto Niten, de esquecer e aprender com o passado, e assim formar o futuro que desejamos, e por isso cabe aqui novamente a tradução “Liberdade ainda que tardia”.
 
E por tudo que foi escrito acima só posso agradecer.
Somos uma unidade de combate dentro do Exercito chamado Niten e juntos com as demais unidades temos a responsabilidade de continuar preservando as tradições e ensinamentos dos antigos Samurais e assim promover a formação de pessoas “sin ceras” e que acreditam em valores nobres.
 
Domo Arigato à todos da unidade Belo Horizonte por acreditarem.
Domo Arigato à todos os companheiros de Caminho por lutarem ao nosso lado.
Domo Arigato aos Sempais, pois os ensinamentos são muitos.
 
Domo Arigato Gozaimashita Sensei – pela A Espada que dá a vida. Em abundância.

Os Samurais de Takashi Miike no Festival de Cannes

por Krysamon - blog - 27-may-2011

HaraKiri.jpg


O Festival de Cannes é um dos mais prestigiados e famosos festivais de cinema do mundo. Acontece todos os anos, no mês de maio, na cidade francesa de Cannes e fazendo parte da Seleção Oficial deste ano tivemos uma grande supresa, um filme nipônico sobre samurais do famoso diretor Takashi Miike.

O filme "Hara Kiri - Death of a Samurai" (Ichimei no original) de Takashi Miike foi um dos mais elegantes esse ano. O nome do diretor é muito respeitado nos círculos da cinefilia e em "Hara Kiri", Miike disseca o universo samurai com seu conto afiado que resgata costumes abandonados. O filme foi apresentado em 3D em Cannes, o que sugere uma tensão do estilo de narrativa japonesa com as imagens em estéreo.

Estamos na mitologia samuraica do Japão antigo, período de paz que terminou por deixar milhares de ‘ronins’ desempregados. Alguns deles, na pobreza extrema, apelam para a seguinte trapaça: o samurai sem mestre procura um senhor de uma grande propriedade e pede para cometer seppuku neste local, visto que isto lhe asseguraria mais respeito e honra. Entretanto, ele já faz isto contando com a misericórdia deste senhor para demovê-lo da idéia da morte, e assim mandá-lo embora com algum dinheiro e ajuda. Mas informado que essa trapaça tem sido muita aplicada, o senhor decide aceitar o hara-kiri, e o pobre samurai terá de cumprir sua palavra de honra.
O rapaz de tão pobre nem uma espada de verdade tem, mas uma de bambu. São 5 minutos de uma detalhada sequência do Seppuku, feita com espada de bambu, ato radical, que irá desencadear uma tragédia que envolverá mais uma dezena de pessoas.

HaraKiri -                      cover.jpg



O filme mostra a força da tradição, e a importância do respeito e da compaixão. É um filme tão bonito quanto a honra samurai! Confira o trailer.





Com a seleção em Cannes de "Hara Kiri", voltou-se o foco para os outros trabalhos de Takashi Miike, sendo impossível deixar de comentar o seu filme do ano passado que teve grande repercussão: 13 ASSASSINS (Jûsan-nin no shikaku no original). Apresentado no Festival de Veneza, o filme foi concebido visando a educação das novas gerações segundo afirmação do diretor.

"O que realmente me assusta é que as pessoas não sabem que esta é a história do nosso passado recente", lamentou Miike, sobre o drama de ação, ambientado no Japão feudal de meados do século XIX. A história não se passa no passado remoto, mas em um passado mais recente, que nossos bisavós viveram", afirmou.

Ao perceber que o filme original foi "feito para a geração do meu pai", Miike disse ter pensado "o que nós, uma outra geração, poderíamos fazer?" Para ele, é triste que "o cinema japonês possa ter esquecido como lidar com estes filmes de época".


"13 Assassins" é a refilmagem de um filme homônimo de 1963. O original foi acusado na época, de plagiar "Os Sete Samurais" de Akira Kurosawa. Também pudera, as película tem de fato uma estrutura bem semelhante. Trata-se de um trama ambientado no Japão feudal, onde um senhor assassina e estupra inocentes protegido pela lei. Para impedi-lo surge a força secreta dos misteriosos 13 assassinos, cada um com uma habilidade singular, dispostos a uma missão suicida para acabar com o mal, este épico japonês baseia-se num incidente verdadeiro.

Desde a seleção dos guerreiros, até a personalidade dos samurais lembram muito o clássico filme de Akira Kurosawa. Só que em "Os Sete Samurais", os guerreiros foram encubidos de proteger um pobre vilarejo, sempre acometido por roubos de ladrões de baixa estirpe. A personalidade dos guerreiros das duas histórias também são bem parecidas. Shimada, protagonista de "13 Assassins", tem o mesmo sobrenome do principal personagem de "Os Sete Samurais", Kanbê Shimada (Takashi Shimura). Além da verossimilidade entre os samurais do bando que a principio são subestimados, mas que ao longo do filme se mostram bravos guerreiros. Na película de Kurosawa, Toshiro Mifune interpretava um samurai alcoólatra que em momentos de sobriedade conseguia manter a postura de bravo guerreiro. Já em "13 Assassinos", o alívio cômico fica por conta de um atrapalhado caçador, que se une ao grupo depois de ajudá-los a encontrar um caminho entre as montanhas. Por fim, ele acaba se tornando o décimo terceiro guerreiro, tal como o personagem de Mifune torna-se o último selecionado na película de Kurosawa.


Todos os anos vários filmes sobre samurais são produzidos no Japão, contudo poucos deles mostram cenas de batalhas épicas como são feitas nessa nova versão de "13 Assassins". Miike se consolida mais uma vez como um cineasta talentoso, mesclando todos os elementos de um bom filme sobre samurais. Duelos e cenas de batalhas, mas onde a violência tem seus significados implícitos, sobre honra, bravura, obediência e ética.

Confira o trailer:




Tanto "Hara Kiri" quanto seu irmão mais velho "13 Assassins" são a lembrança dos épicos do Japão Feudal, as mitologias que precisão rever,  uma nostálgica lembrança sobre honra e compromisso.

Tags: Cinema,

Dia do Samurai, Torneio e Páscoa

por Wenzel - blog - 22-abr-2011

A todos os alunos do Instituto Niten!
este Domingo é dia do Samurai, 24 de Abril,
aniversário de nosso mestre, Sensei Jorge Kishikawa.
Levem muito Kiai ao Dojo!
confiram os treinos e as programações especiais de
sua unidade pelos emails e Hotsites,
em especial em São Paulo/Guarulhos, Fortaleza e Rio de Janeiro/Friburgo
onde haverã inauguração do Projeto NITEN-VIRTUDES,
o projeto Social do Niten.

Confiram também o vídeo de chamada para
o 10° Torneio Brasileiro Individual de KOBUDÔ
que será realizado dia 14 de Maio em Belo Horizonte,
Unidade que está completando 10 anos!

O vídeo está em todas as homes de Hotsites das unidades.

E como estamos na Páscoa,
período de renovação,
Desejamos a todos que renovem seu Kiai
seus ideais e sonhos
e aproveitem para conferir a renovação
na Home do site do niten

Feliz Páscoa!

comentarios   1 de 1

Valberto - BrasíliaKoni-ch-wa, mina-san!
Foi com grande prazer que na noite de ontem, eu e meu filho (ambos
praticantes de kenjutsu aqui do DF) vimos a nova abertura e animação
do site da Niten. Ficou lindo, emocionante! Meus parabéns aos
responsáveis. Vendo aquela anim (Continua)

Lançamento do Projeto NITEN VIRTUDES

por Niten - Niten - 17-abr-2011

Projeto Niten Virtudes, o projeto Social do Instituto Niten será lançado dia 24 de Abril de 2011, Dia do Samurai em Guarulhos, Fortaleza e Friburgo na região Serrana do Rio.
Abaixo o Cartaz de Guarulhos!



comentarios   1 de 1

larissa - Que maravilha essa iniciativa!
Há braços (Continua)

Coordenador Brandolin realizando Kata

por Brandolin - SP/São Carlos - 12-abr-2011




Retornar para últimos postagens


    topo

    Instituto Niten Internacional
    +55 11 94294-8956
    contacto@niten.org